Secos y Mojados

enc07_bnr_secosymojados

Enterrada no corpo da lembrança

O imigrante é um ser dividido. Está marcado pelo fato de ter cruzado para o outro lado e de sempre ter a consciência do "aqui" e do "lá", do "antes" e do "depois". Depois de atravessar, nunca mais será o mesmo.

Biografia

Secos y Mojados é um grupo coletivo latino de performance composto por Violeta Luna (mexicana), Víctor Cartagena (salvadorenho), David Molina (argelino/salvadorenho) e o diretor Roberto G. Varea (argentino) com sede em San Francisco, Califórnia, Estados Unidos.

Roberto Varea (director) nasceu na Argentina e desde 1992 vive em San Francisco, Califórnia, Estados Unidos. Seu trabalho enfoca a representação cênica e sua relação com a violência do Estado e os movimentos sociais de resistência.

Buried in the Body of Remembrance

The immigrant is a divided being. A being marked by having crossed to the other side, always conscious of “here” and “there,” “before” and “after.” After the moment of crossing, the immigrant is never the same.

Biography

Secos y Mojados is a Latino performance collective co-founded by Violeta Luna (Mexico), Víctor Cartagena (El Salvador), David Molina (Argelia/El Salvador) and its director, Roberto G. Varea (Argentina). Based in San Francisco, California (USA).

Roberto Varea (director) was born in Argentina and lives in San Francisco, California, United States, since 1992. His work focuses on issues of performance and its relationship to state violence and resistance movements.

Media

Permanent URL: http://hdl.handle.net/2333.1/jwstqk05

Additional Info

  • País: Estados Unidos
  • Lugar de apresentação: Patio del Centro Cultural Recoleta
  • Data: 9 de Junho de 2007