Pele Mista (1996)

Pele Mista (1996) Jon Crispin

‘Combination Skin’ (‘Pele Mista’), obra escrita por Lisa Jones e dirigida por Roberta Uno, explora as políticas raciais que vêm sendo impostas sobre indivíduos negros, questionando ‘quem disse que ser negro é o fardo do homem negro’. Observando os personagens históricos e os estereótipos raciais, as conversas no palco direcionam-se para a tonalidade da pele negra, discutindo se o termo ‘pele mista’ define ou não as nossas próprias identidades. E mais: a brancura, como contrapartida da identidade negra, é tida como um espaço desejado para se esconder a cor de pele que é relacionada à negatividade, enquanto se ‘sonha com uma vida branca’. Jogando com a ironia, e reconhecendo que os medos inculcados ao longo de séculos de uma história de opressão não se dissolvem facilmente, os personagens participam do cenário de um game show que anuncia os vencedores de um concurso para se premiar a pessoa negra mais branca de todas – um ato que oscila entre o sarcasmo e o desespero.

Media

Permanent URL: http://hdl.handle.net/2333.1/wstqjrwf

Additional Info

  • Título: Combination Skin
  • Holdings: photo gallery, video (HIDVL)
  • Idioma: English
  • Data da performance: 15 Nov 1996
  • Lugar: Bowker Auditorium at the University of Massachusetts Amherst
  • Type/Format: play
  • Cast/Performers: Vendetta Goldwoman: Bonita Oliver, Voice of Bobbi: Ernessa T. Carter, Teen Bomb: Michael Proctor, Specimen #1: Angel Hardy, Guard: Michael Proctor, Queen Mama King: Ernessa T. Carter, Specimen #2: Rebecca Hershey, Specimen #3: Michelle Rousseau
  • Credits: Director: Roberta Uno, Set designer: Phillip Baldwin, Lighting designer: Justin Townsend, Costume design: Kiki Smith,

Image Gallery

Warning: No images in specified directory. Please check the directory!

Debug: specified directory - https://hemisphericinstitute.org/images/2096