"O Grande Teatro do Mundo" é um sacramental escrito por Pedro Calderón de la Barca, no século XVII para transmitir valores católicos alegoricamente.Em diálogo com a noção trabalhou por Shakespeare que "todo mundo é um grande palco", o trabalho sugere que os seres humanos têm um papel a desempenhar e deve tomar decisões virtude e sabedoria, uma vez que recebem uma recompensa ou punição na vida após a morte.Luis Peirano resgata o poderoso espetáculo deste trabalho para oferecer uma leitura eclético em relação ao contexto peruana complexo no início do século XXI.A implantação de atores, artistas, dançarinos, acrobatas e cantores transforma a peça em um festival que celebra várias tradições, e revisita a fusão entre a cultura peruana e espanhol a partir de uma perspectiva fértil e criativo.Este trabalho, que tem mais de 500 artistas no palco, não é apenas uma reinterpretação valioso do que os “mostras de religiosidade", mas é também um exemplo da complicada relação entre religião e política na Peru. Desde a intenção de evangelização do texto desempenha um papel secundário na versão de Peirano, as autoridades da Igreja Católica do Peru recusou permissão para apresentar o trabalho no átrio da Catedral de Lima - um espaço central para carros sacramentais. Apesar desta recusa, e talvez por causa disso, o grupo de artistas que participam nesta peça, liderado por Peirano, decidiram continuar apresentando-o por vários anos em outras áreas. A insistência em seguir a realização de uma obra que reafirma a independência criativa ainda é lembrado em Lima como um gesto político poderoso e valioso, e um lembrete do poder da performance, capaz de mobilizar emoções e conhecimento.

Luis Peirano tem um PhD em Ciências Humanas da Pontifícia Universidade Católica do Peru e Mestrado em Comunicação pela Universidade de Wisconsin, Madison. Peirano é um sociólogo que foca seu trabalho em comunicação e cultura, e também é um diretor de teatro. Ele foi fundador e primeiro reitor da Faculdade de Artes e Ciências da Comunicação na Pontifícia Universidade Católica do Peru, além de desenvolver o programa de mestrado em Comunicação na mesma universidade. Ele é membro do Comitê de Ética da imprensa peruana, e foi seu presidente entre 2006 a 2007. Ele também é membro da Comissão Nacional para a Cultura e do Comité Consultivo Técnico da UNESCO. Em 2011, Luis Peirano foi Ministro da Cultura do Peru.

El gran teatro del mundo, de Pedro Calderón de la Barca

There is no translation available.

This is a video documentation of Pamela Sneed’s reading/spoken word ‘America Ain’t Ready,’ presented in the Hemispheric Institute of Performance and Politics. Sneed delivers scathing and raucously humorous commentary on some of the key issues of our time, taking her audience on a journey through popular culture, American politics, and the New York City underground scene of the '80s and '90s that insists on naming the unnamed and telling the untold.

Pamela Sneed's 'America Ain't Ready'

There is no translation available.In this interview, conducted by Marcial Godoy-Anativia, associate director of the Hemispheric Institute of Performance and Politics, Moysés Zúñiga Santiago talks…

Interview with Moysés Zúñiga Santiago (2010)

There is no translation available.This is a video documentation of Regina José Galindo’s artist talk ‘Experiences,’ presented in the Hemispheric Institute of Performance and Politics.…

Regina Galindo's 'Experiences' at the Hemispheric Institute

There is no translation available.Interview with Rossana Reguillo, conducted by Diana Taylor, founding director of the Hemispheric Institute of Performance and Politics. In this interview,…

Interview with Rossana Reguillo (2011)

There is no translation available.Interview with David Lozano, conducted by Marlène Ramírez-Cancio, Associate Director of Arts & Media at the Hemispheric Institute of Performance and…

Interview with David Lozano (2010)

This category is a temporary repository for holdings by artists and scholars who have contributed work to the HIDVL Digital Library but do not yet have a full profile.

The Hemispheric Institute of Performance and Politics held its first Encuentro in Rio de Janeiro, Brazil, July 2-15, 2000. Participants included artists, scholars, graduate students,…

Welcoming to the First Hemi Encuentro in Brazil by Marcos Terena

The Hemispheric Institute of Performance and Politics held its first Encuentro in Rio de Janeiro, Brazil, July 2-15, 2000. Participants included artists, scholars, graduate students,…

Opening remarks for the 1st Hemispheric Institute Encuentro

Entrevista com Regina José Galindo, conduzida por Diana Taylor, diretora fundadora do Instituto Hemisférico de Performance e Política. Regina Galindo fala sobre a diferença entre…

Entrevista com Regina José Galindo (2010)

There is no translation available.

Eleonora Fabião's "Giro Piece" is a dance performance, an installation, a scream claiming attention to the body immersed in present times. An awakening call to the body led by, and oppressed by, globalization. Fabião explains, "The experience of being a "world citizen" in the era of globalization produces on me, among many advantages and benefits, a disturbing vertigo, a certain existential dizziness.

Eleonora Fabião: Giro Piece

Pág. 2 de 3