Ativismo que transcende a cidadania e o Estado

Convocantes: Sirena Pellarolo, Peter Kulchyski e Edwin E. Corbin Gutiérrez

Este grupo de trabalho explora práticas coletivas, espaços e movimentos que emergem como alternativas ao paradigma moderno e ao projeto neoliberal em particular.

A partir da experiência dos participantes, este grupo questiona a premissa de direitos outorgados pelo estado e foca-se em práticas que expõem e se contrapõem ao papel conivente dos governos na difusão do neoliberalismo, de modo a criar práticas que despertem transformações sociais de base. Questionamos a idéia do "cidadão", a suposta universalidade dos direitos humanos e culturais, o estado como maior força de unificação e organização social, a fantasia de um pensamento global sem raízes e a atual decadência do capitalismo.

Esperamos refletir sobre possibilidades para o futuro, olhando exemplos de práticas sociais que estão funcionando hoje, ao redor do hemisfério, como vislumbres do "outro mundo" que podemos construir. O grupo de trabalho será estruturado como uma assembléia popular ou encontro comunitário. Cada participante deverá apresentar um trabalho curto (que pode ser um relatório oral ou uma estória, ou uma apresentação formal em powerpoint) sobre suas lutas e atividades, e atente para as seguintes questões:

  • • Como intervenções de base atuam como exemplos críticos de concretização contra forças políticas e econômicas mais evasivas?
  • • Como as comunidades podem ativar suas tradições e estruturas organizacionais e engajar com sucesso em lutas simbólicas?
  • • Como pensar a performance através do ativismo?
  • • Como ativismo performativo ativa repertórios populares de auto-governância?
  • • Como o ativismo comunitário circunscreve e derruba a corrupção e a intransigência governamental?

Nossos objetivos envolvem expandir o trabalho do Encontro de 2007 alargando cada vez mais redes de ativistas por justiça social no hemisfério, trocando táticas performativas usadas em variadas lutas e identificando pontos de alavancagem crítica capazes de abrir o caminho para mudanças revolucionárias.

FaLang translation system by Faboba